3 de jul de 2018

Concurso CGE Ceará: comissão formada para Analista de Controle Interno!

Concurso CGE CE tem comissão formada!

Excelente notícia para os concurseiros da área fiscal! A Controladoria Geral do Estado do Ceará divulgou, no Diário Oficial do Estado, a comissão organizadora responsável pelo concurso CGE CE 2018! 
De acordo com o documento, a comissão é formada por cinco membros, sendo três deles da Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE) e dois da Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag).

 Último Concurso CGE Ceará

Realizado em 2013, o último concurso CGE foi organizado pela Universidade Estadual do Ceará (UECE).
Foram ofertadas 18 vagas para o cargo de Auditor de Controle Interno, nas especialidades de Auditoria Governamental de Processos com Foco em Riscos (8), Auditoria em Obras Públicas (6) e Auditoria em Tecnologia da Informação (4).

Detalhes concurso CGE Ceará:

  • Concurso: Controladoria Geral do Estado do Ceará (Concurso CGE CE)
  • Cargo: Analista de Controle Externo
  • Escolaridade: Nível superior
  • Número de vagas: A definir
  • Remuneração: Não informada
  • Situação: COMISSÃO FORMADA
  • Previsão p/ publicação do edital: 2018
  • Link do último edital

Concurso ALE RO divulga edital para nível médio e superior!


Assembleia Legislativa de Rondônia (Concurso ALE RO) divulgou no Diário Oficial Eletrônico Legislativo desta quinta-feira, dia 21 de junho, a prorrogação do período de inscrições em seu concurso público para preenchimento de 110 vagas em cargos efetivos do quadro especial da advocacia e permanente da Casa. 
Os interessados terão até às 16h do dia 19 de julho de 2018 para se inscreverem no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV). O valor da taxa de inscrição é de R$ 130 (advogado), R$ 115 (consultor), R$ 95 (analista) ou R$ 75 (assistente), de acordo com a função pretendida. O pagamento do valor da taxa poderá ser realizado até o dia 20 de julho de 2018.
O documento altera também a data de aplicação da prova objetiva do concurso, inicialmente prevista para o dia 19 de agosto. A decisão de alterar a data do concurso foi tomada após a publicação do edital da Polícia Federal que terá aplicação das provas no mesmo dia previsto anteriormente para a prova da ALE RO. 
“Muitos candidatos iriam ficar prejudicados, sem poder disputar as vagas ofertadas pela Assembleia Legislativa e também as da Polícia Federal, já que as provas estavam marcadas para o mesmo dia. Essa mudança na data foi levando em conta essa necessidade”, explicou o presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho .
O certame vai ser o primeiro realizado pela Assembleia, em mais de 30 anos. Antes, foi aplicada uma prova interna, entre os servidores da Casa, no final da década de 1980. Serão 110 vagas, nos níveis médio e superior, com salário inicial de R$ 4,8 mil e de R$ 19,7 mil para advogado.

Cargos do concurso ALE RO

Benefícios oferecidos aos aprovados no concurso ALE RO

Requisitos e atribuições dos principais cargos

Assistente Legislativo – Sem especialidade

  • Requisitos: certificado, devidamente registrado, de conclusão de ensino médio, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.
  • Atribuições: utilizar softwares para processamento de textos e elaboração de planilhas. Executar atividades de controle de entrada e saída de materiais. Organizar processos, anexar documentos e encaminhar para análise e decisão. Controlar arquivos e correspondências.
  • Vagas: 25 vagas

Analista Legislativo – Taquigrafia

  • Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de qualquer curso de nível superior, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e certificação de qualificação profissional de curso livre em taquigrafia.
  • Atribuições: desempenhar atividades, de nível superior e especializado, envolvendo o registro taquigráfico com a presença in loco em sessões plenárias, comissões, solenidades e audiências, entre outras.
  • Vagas: 08 vagas

Consultor Legislativo – Assessoramento em Orçamentos 

  • Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de qualquer curso de nível superior em nas seguintes áreas e suas ramificações: Administração; Ciências Contábeis; Direito; Economia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.
  • Atribuições: prestar consultoria e assessoramento, de nível superior e especializado, consistindo na prestação de consultoria e assessoramento em direito financeiro, planos, orçamentos públicos, fiscalização e controle à Comissão Permanente.
  • Vagas: 02 vagas

Consultor Legislativo – Assessoramento Legislativo

  • Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de qualquer curso de nível superior, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.
  • Atribuições: prestar consultoria e assessoramento, de nível superior especializado, nas diversas áreas do conhecimento, à Mesa Diretora, às Comissões, aos parlamentares e aos demais órgãos institucionais, em sua função legislativa, parlamentar e fiscalizadora, no âmbito da Assembleia Legislativa.
  • Vagas: 04 vagas

 Advogado da Assembleia Legislativa – Inicial de R$ 19 mil (com benefícios)

  • Requisitos: nível Superior com bacharelado em Direito e inscrição na Ordem dos Advogados do Brasil, comprovando pelo menos 03 (três) anos de exercício de atividade jurídica.
  • Atribuições: prestar consultoria e assessoramento jurídico, de nível superior e especializado, a Assembleia Legislativa e seus órgãos. Coordenar grupos ou equipes de trabalho nas suas áreas de atuação. Atuar diretamente em juízo na defesa dos atos praticados por Parlamentares e servidores no exercício de suas funções, etc.
  • Vagas: 04 vagas

Benefícios oferecidos aos aprovados no concurso ALE RO

A remuneração inicial dos cargos tem como base o estabelecido no Art. 153 e parágrafo único, e a Lei Complementar nº 785, de 9 de julho de 2014. Além do vencimento, integram a remuneração os seguintes benefícios: auxílio alimentação no valor de R$ 200,00; auxílio-transporte no valor de R$ 200,00; e auxílio-saúde no valor de R$ 600,00.

Provas do concurso ALE RO

Os candidatos serão avaliados por meio de Prova Escrita Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, além de Prova Escrita Discursiva, Prova Prática, Avaliação de Títulos e Prova Oral, de acordo com a função. O exame será aplicado em turnos distintos, sendo pela manhã do dia 19 de agosto de 2018 para Assistente Legislativo e Advogado e à tarde para Consultor Legislativo e Analista Legislativo. 
As provas objetivas e discursivas serão realizadas no estado de Rondônia, nas cidades de Ariquemes, Cacoal, Guajará-Mirim, Ji-Paraná, Porto Velho e Vilhena. As Provas Práticas serão realizadas exclusivamente na cidade de Porto Velho.

Sobre a ALE RO

A ALE tem atualmente cerca de 300 funcionários do quadro efetivo e até meados de 2018, pelo menos mais 200 devem passar para o quadro de inativos. Com isso, a Assembleia Legislativa enfrenta situação difícil com carência de servidores em todas as áreas. Para resolver a situação, está sendo feito o levantamento de necessidade de pessoal para convocação imediata e também para cadastro de reserva. Entre as vagas já definidas estão definidas para procurador. “Hoje, nós não temos ninguém na Procuradoria, que serão no mínimo 10 vagas, com salário base em torno de R$ 10 mil no mínimo. Terão vagas no setor administrativo, no centro médico, que hoje é em forma de portariados e a ideia é que sejam concursados, na assessoria de imprensa também teremos algumas. A certeza é que teremos no mínimo 100 vagas”, afirma o presidente.

Comissão concurso ALE RO

Por outro lado, na última semana, uma comissão interna na Assembleia Legislativa já foi nomeada para definir como acontecerá o concurso, o número de vagas e outros procedimentos necessários.
São seis servidores encarregados dos estudos iniciais, como a contratação da banca e necessidades dos setores administrativos.Confira:
ATO Nº 005/2017-MD/ALE
Cria e nomeia membros da Comissão de Acompanhamento do Concurso Público da Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia e dá outras providências.
O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO, no uso de suas atribuições legais, Considerando o disposto no artigo 37, inciso II da Constituição Federal, que determina que a investidura em cargo público seja precedida de aprovação em concurso público de provas ou provas e títulos;
Considerando a existência no quadro de pessoal deste Poder Legislativo de vagas a serem preenchidas de acordo com as necessidades do serviço público; e Considerando os princípios constitucionais da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência dos atos administrativos;
R E S O L V E
Art. 1º. Criar a Comissão de Acompanhamento do Concurso Público da Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia, a qual será responsável pela supervisão, acompanhamento e fiscalização do referido concurso público, com objetivo de atestar toda a clareza e transparência do processo.
Art. 2º. Nomear os seguintes servidores para compor a Comissão:
I – Rafael Figueiredo Martins Dias – Presidente
II – Jorge Gomes da Silva – Vice-Presidente;
III – Miranilde Rodrigues do Nascimento Robles – 1ª Secretária;
IV – Leme Bento Lemos – 2º Secretário
V – Zamyrton Guimaraes da Rocha – Membro; e
V – Rubens Luz da Silva – Membro.
Art. 3º. Fica a Comissão autorizada a manter contatos com a empresa especializada que será contratada para realização do Concurso Público para estabelecer as condições de realização do mesmo, devendo informar e definir conjuntamente:
I – descrição dos cargos e referenciais salariais;
II – etapas do concurso;
III – etapas eliminatórias e classificatórias;
IV – os tipos de provas e avaliações; e
V – definir em conjunto o Cronograma de Execução do Concurso.
Art. 4º. Compete a Comissão de Acompanhamento do Concurso Público, acompanhar, supervisionar e fiscalizar sua realização, julgar os casos omissões ou duvidosos e coordenar as atividades necessárias ao bom andamento do Concurso.
Art. 5º. Compete ao Presidente da Comissão de Acompanhamento do Concurso Público, conduzir as suas respectivas reuniões e deliberações.
Art. 6º. Compete ao Secretário da Comissão de Acompanhamento do Concurso:
I – lavrar as atas dos trabalhos da Comissão, assinando-as conjuntamente com os demais membros;
II – propor ao Presidente as medidas adequadas ao
bom andamento dos trabalhos da Comissão; e
III – elaborar os relatórios, assinando-os conjuntamente com os demais membros, após suas deliberações e aprovação.
Art. 7º. O Concurso Público reger-se-á pelas disposições específicas do Edital, cabendo a Comissão nomeada por este Ato decidir sobre os casos eventualmente omissos e não previstos.
Art. 8º. Este Ato da Mesa Diretora entra em vigor na data de sua publicação.
Mesa Diretora, 20 de setembro de 2017

Detalhes concurso Assembleia Legislativa RO:

  • Concurso: Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE RO)
  • Banca organizadora: FGV
  • Cargos: Diversos
  • Escolaridade: Níveis médio e superior
  • Número de vagas: 110 + CR
  • Remuneração: Inicial de até R$ 19 mil (com benefícios)
  • Inscrições: Entre 14 de maio e 04 de julho de 2018
  • Taxa de inscrição: R$ 130, R$ 115, R$ 95 ou R$ 75 
  • Data da prova objetiva: 26 de agosto de 2018

29 de jun de 2018

Concurso PGE AP Procurador: SAIU o edital! Inicial de R$ 22 mil!

De acordo com a publicação, são ofertadas cinco vagas para Procurador do Estado e mais 10 de cadastro reserva. Para se candidatar é necessário possuir bacharelado em Direito. 

Inscrições no concurso PGE AP

As inscrições no concurso deverão ser efetuadas no período de 02 a 20 de julho de 2018 no site da organizadora, mediante o pagamento de taxa de inscrição no valor de R$ 200.

Fases do concurso PGE AP

O concurso PGE AP será realizado em seis fases, conforme discriminado abaixo:
  • Primeira Fase – Inscrição Preliminar;
  • Segunda Fase – Prova Objetiva (eliminatória e classificatória);
  • Terceira Fase – Provas Discursivas (eliminatória e classificatória);
  • Quarta Fase – Inscrição Definitiva;
  • Quinta Fase – Prova Oral (eliminatória e classificatória); e
  • Sexta Fase – Prova de Títulos (classificatória).
Todas as etapas do concurso acontecerão na cidade de Macapá-AP.

Concurso PGE AP: prova objetiva

A prova objetiva do concurso PGE AP, de caráter eliminatório e classificatório, será composta de 100 (cem) questões objetivas de múltipla escolha, com 5 (cinco) alternativas cada, versando sobre disciplinas constantes no quadro abaixo:

A aplicação da prova está prevista para o dia 02 de setembro de 2018, com duração de 5 horas. Será considerado habilitado o candidato que obtiver o mínimo de 60% (sessenta por cento) de acertos do total da prova.

Concurso PGE AP: prova discursiva

Serão convocados para as provas discursivas os candidatos habilitados na Segunda Fase, classificados até a 100ª (centésima) posição, respeitados os empates nesta última colocação.
A terceira etapa do concurso, de caráter eliminatório e classificatório, será composta de 2 (duas) provas discursivas, aplicadas em dias distintos e sucessivos, com duração, cada uma, de 4 (quatro) horas.
A Prova Discursiva 1 compreenderá a elaboração de uma peça processual e a prova discursiva 2 compreenderá a elaboração de 4 (quatro) questões discursivas. Conforme o quadro abaixo:

A aplicação das provas discursivas está prevista para os dias 17 e 18 de novembro.

Validade do concurso PGE AP:

O concurso público da Procuradoria-Geral do Estado do Amapá terá validade de 02 (dois) anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Procuradoria Geral do Estado


Detalhes concurso PGE AP

  • ConcursoProcuradoria-Geral do Estado do Amapá
  • Banca organizadora: FCC
  • Cargo: Procurador
  • Escolaridade: Nível superior
  • Número de vagas: 5 + CR
  • Remuneração: R$ 22 mil
  • Inscrições: de 2 de julho a 20 de julho de 2018
  • Taxa: R$ 200
  • Prova objetiva: 02 de setembro de 2018

12 de abr de 2018

SGA lança Concurso Público de nível Superior e Médio

O Governo do Estado do Acre, através da Secretaria de Gestão Administrativa (SGA) e o Instituto de Administração Penitenciária do Acre - IAPEN, abre vagas para Seleção Pública Simplificada, objetivando admitir Advogados, assistente Social, Psicólogo, Auxiliar administrativo e Recepcionistas para trabalharem no Instituto de Administração Penitenciaria - IAPEN/AC.

Será proposto para ambos os cargos, uma carga trabalhista de 40 hora semanais com salários de R$ 4.658,32 tendo como salário base o valor de R$ 2.681,27 acrescido de Gratificação de Atividade Penitenciária no valor de R$ 639,7, mais etapa alimentação R$ 422,40 e Gratificação de Risco de Vida R$ 914,95.

As inscrições estarão disponíveis no site http://www.sga.ac.gov.br no período do dia  12 a 20 de abril de 2018, mediante a entrega das cópias do formulário preenchido junto com o currículo na Administração Penitenciária do Acre - IAPEN, situada na Avenida Getúlio Vargas, nº 1203 - Bairro Bosque - Rio Branco, das 08h às 12h.

Não será cobrada taxa de inscrição.

6 de ago de 2017

Concurso TST para Juiz do Trabalho: Inscrições Prorrogadas

A oferta é de mais de 130 vagas para o cargo de Juiz do Trabalho Substituto, que proporciona um subsídio mensal de R$ 27.500,17.

 

Foram prorrogadas as inscrições para o processo seletivo unificado do edital I do Tribunal Superior do Trabalho, que tem como objetivo de contratar 130 profissionais para o cargo de Juiz do Trabalho Substituto para a carreira da Magistratura do Trabalho.

A ENAMAT - Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho, com o apoio da Fundação Carlos Chagas estão incumbidas em administrar este concurso.

A retribuição é de R$ 27.500,17.

Os contemplados atuarão nas 24 regiões dos Tribunais Regionais do Trabalho, conforme o quadro de vagas disposto no edital.

Para concorrer será necessário que o interessado tenha pelo menos três anos de atividade jurídica exercida após a obtenção do grau de bacharel em Direito, aptidão física e mental, bons antecedentes, e atenda aos outros requisitos especificados no edital.

Com as prorrogações, as inscrições poderão ser efetuadas até às 14h do dia 04 de agosto de 2017, pelo site da FCC: www.concursosfcc.com.br. O valor da taxa será no valor de R$ 275,00.

A seleção dos inscritos se dará por meio de cinco fases: 
- 1ª fase: a primeira composta de prova objetiva; 
- 2ª fase: de provas escritas discursivas e prática consistente em elaboração de uma sentença trabalhista; 
- 3ª fase: será de inscrição definitiva, exame de sanidade física e mental, sindicância da vida pregressa e investigação social; 
- 4ª fase: será a prova oral; 
- 5ª fase: de avaliação de títulos.

A primeira fase será programada para acontecer de 8 de outubro de 2017 nas 24 cidades-sede dos TRT's: Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas, Belo Horizonte, Porto Alegre, Salvador, Recife, Fortaleza, Belém, Curitiba, Brasília, Manaus, Florianópolis, João Pessoa, Porto Velho, São Luis, Vitória, Goiânia, Maceió, Aracaju, Natal, Teresina Cuiabá e Campo Grande.

É importante informar que após as fases de classificação os aprovados deverão participar de Curso de Formação Inicial, a realizar-se em Brasília, conforme calendário e orientações divulgados pela ENAMAT. 

O prazo de vigência será de 24 meses, a contar da data de publicação da lista definitiva dos candidatos aprovados, sendo prorrogável uma vez por igual período.

O edital completo e as demais atualizações poderá ser conferido neste site: 
http://www.concursosfcc.com.br/concursos/enama117/index.html 

Prefeitura de Mâncio Lima-AC divulga Concurso Público

A Prefeitura de Mâncio Lima, no Estado do Acre, está realizando a abertura de inscrições para a realização de concurso público, para admissão de 52 profissionais de todos os níveis de escolaridade, por prazo determinado.

Os salários variam de R$ 937,00 a R$ 3.600,00, em jornada de trabalho de 20,30 e 40 horas por semana.

As oportunidades são para os cargos de: Agente de Combate às Endemias, Auxiliar de Laboratório, Auxiliar de Saúde Bucal, Microscopista, Técnico em Enfermagem, Assistente Social, Educador Físico, Enfermeiro, Farmacêutico, Fisioterapeuta, Médico (Clínico Geral, Ginecologista, Pediatra), Nutricionista, Odontólogo, Pedagogo, Psicólogo, Orientador Social, Assistente Social e Psicólogo.

As inscrições poderão ser efetuadas a partir do dia31 de julho até o dia 11 de agosto de 2017, mediante ao preenchimento de ficha que está disponível no site: www.manciolima.ac.gov.br, e entregar no posto de atendimento Casa de Cultura Márcia Alencar localizada na Avenida Japiim, S/N, Bairro Cobal, no período das 8h às 12h e de 14h às 17. O valor referente a taxa vai de R$ 25,00 a R$ 60,00.

A avaliação dos candidatos se dará por meio de prova escrita objetiva, que tem previsão de ocorrer no dia 27 de agosto de 2017, em local e horário a serem divulgados com antecedência.

A vigência do certame será de 24 meses, a partir da data de homologação do resultado final, sendo permitida a sua prorrogação pelo mesmo período.

Governo do Acre (SGA) promove Concurso Público

A Secretaria de Estado de Gestão Administrativa do Acre (SGA - AC), está promovendo a realização de seleção pública do edital n° 002/2017, visando selecionar Estagiário para a composição de cadastro de reserva para atender as necessidades do Governo do Estado no âmbito de suas Secretarias.

As chances são para os municípios de Acrelândia, Cruzeiro do Sul, Epitaciolândia e Rio Branco, nos cursos de nível médio e superior em Administração, Sistema de Informação, Artes Cênicas, Comunicação Social/Jornalismo, História, Redes de Computadores, Sistema de Informação, Gestão Ambiental, Gestão Hospitalar e Gestão Pública.

O valor a título de bolsa de estágio, será de acordo com nível e jornada que varia de R$ 280,00 a R$ 630,00, em carga horária de estágio de 20 ou 30 horas por semana.

Os estudantes poderão se inscrever até o dia 9 de agosto de 2017, comparecendo a sede do IEL, situado na Avenida Ceará, 3.727 - 7º BEC - Rio Branco - CEP 69918-108.

A avaliação dos inscritos se dará por meio de duas fases, sendo a primeira a avaliação curricular; e entrevista com os selecionados na 1ª etapa.

A vigência do certame será de 12 meses, com chance de ser prorrogado uma única vez por igual período.

Extrato do Edital: Diário Oficial do Estado do Acre, edição 26 de julho de 2017, página 36 - http://www.diario.ac.gov.br/.

Concurso DPE-AC 2017 - Edital publicado


São ofertadas 15 vagas, sendo uma para reserva de candidato com deficiência, com remuneração de R$ 20.000,00.

 

 

A Defensoria Pública do Estado do Acre (DPE/AC) torna pública a abertura de inscrição de candidatos para a realização de processo seletivo do edital n° 1/2017, visando a contratação de 15 profissionais habilitados a exercer o cargo de Defensor Público do Estado.

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), com a participação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) são responsáveis por administrar este concurso.

Haverá reserva de um vaga para portadores de necessidades especiais.

O salário proposto é R$ 20.000,00, em carga horária de 40 horas por semana.

Para concorrer ao cargo é necessário: ter a nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiro e portugueses; estar em gozo dos direitos políticos; estar quite com as obrigações militares e eleitorais; ter idade mínima de 18 anos completos; possuir registro na OAB; entre outros.

Os interessados poderão se inscrever entre os dias 10 e 28 de agosto de 2017, exclusivamente via internet, através do site: http://www.cespe.unb.br/concursos/dpe_ac_17_defensor. O valor da taxa de inscrição será no valor de R$ 290,00.

A avaliação dos inscritos se dará por meio de prova escrita objetiva, duas provas escritas específicas, prova oral e avaliação de títulos, todas as etapas serão realizadas na cidade do Rio Branco. A prova escrita objetiva está programada para ocorrer no dia 29 de outubro de 2017, no turno matutino, constituída de 100 questões nas áreas:-Direito Civil; Direito Processual Civil; Direito Penal; Direito Processual Penal; Direito Constitucional; Direito Administrativo; Direito da Criança e do Adolescente; Direito do Idoso; Direito do Consumidor; Direitos Humanos; Direitos Difusos e Coletivos; Legislação, Princípios e Atribuições Institucionais da Defensoria Pública do Estado do Acre.

A vigência do certame será de 24 meses, a contar da data de publicação da homologação do resultado final, prorrogável , uma única vez, por igual período.

Extrato do Edital: 
http://www.cespe.unb.br/concursos/dpe_ac_17_defensor/ 

8 de jun de 2017

SEJUDH - AC abre vagas de nível superior

 Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos do Acre (SEJUDH/AC) anunciou o edital SGA/SEJUDH Nº 001/2017, destinado à contratação por tempo determinado de profissionais de nível superior, para atender as necessidades temporárias de excepcional interesse público. São ofertadas oito vagas para os cargos de Orientador Jurídico – Direito do Consumidor, Assistente Social e Psicólogo, com remuneração de até R$ 3.429,85, por jornada de 40 horas semanais.
As inscrições ocorrerão no período de 5 a 16 de junho de 2017, a partir das 10 horas, por meio do formulário de inscrição disponível no site da SGA (www.sga.ac.gov.br). Não será cobrada taxa de inscrição.
Para efetivar a inscrição o candidato deverá:
Preencher o Formulário de Inscrição online e entregar impresso preenchido à mesa receptora com a documentação;
Entregar o Curriculum Vitae, anexo ao Formulário de Inscrição preenchido no site da SGA e as cópias dos documentos comprobatórios de todos os títulos, requisitos para o cargo e declarações feitas, legíveis e sem rasuras, acondicionados em envelope lacrado no PROCON/AC, situado na Avenida Ceará, nº. 823 – Cadeia Velha, Rio Branco/AC, no horário das 8 às 14 horas;
Grampear o Formulário de Inscrição na frente do envelope lacrado;
Receber da mesa receptora o comprovante de inscrição.

Este processo seletivo compreenderá duas fases, sendo análise curricular e entrevista. A entrevista será realizada em locais e horários a serem divulgados no edital de convocação, publicado no Diário Oficial do Estado do Acre (DOE-AC).
O prazo de validade do Processo Seletivo Simplificado será de 2 (dois) anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.
O edital encontra-se no DOE-AC (http://www.diario.ac.gov.br/) de 5/6/2017, página 31

Vaga de estágio na PGE - AC

A Procuradoria-Geral do Estado do Acre – PGE/AC - publicou no Diário Oficial do Estado o edital n° 01/2017 de processo seletivo destinado ao preenchimento de cinco vagas e formação de cadastro de reserva de estágio de estudante de nível superior.
Somente poderão realizar estágio os estudantes de Direito regularmente matriculados do 3º ao 10º período, ou equivalente, das seguintes universidades ou faculdades conveniadas com a PGE/AC. O estagiário fará jus a uma bolsa de estágio, no valor de R$ 400,00, e auxílio-transporte de R$ 120,00, em jornadas de estágio de 20 horas semanais.
As inscrições serão realizadas no período de 22 de maio a 23 de junho de 2017, online pelo e-mail estagio.pge@ ac.gov.br ou presencial, na sede da PGE, na Avenida Getúlio Vargas, 2852, Bosque, CEP 69.900-589, na sala do Centro de Estudos Jurídicos da PGE.
O processo seletivo será composto prova de caráter classificatório e eliminatório, com 50 questões objetivas de múltipla escolha e uma questão subjetiva. A prova está prevista para ser realizada no dia 04 de julho de 2017.
O período de vigência do processo seletivo será de seis meses, a contar da data da homologação do resultado final, prorrogável uma vez por igual período, a critério da instituição.
Fonte: Diário Oficial do Estado do Acre, edição 19 de maio de 2017, página 2 (http://www.diario.ac.gov.br/)

Vagas de estágio no Governo do Acre (SGA)

O Governo do Estado do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Gestão Administrativa (SGA), prorrogou até 12 de junho de 2017 as inscrições do processo seletivo simplificado regido pelo edital n° 001/2017. O certame é destinado a seleção de Estagiário visando a formação de cadastro reserva para atender as necessidades do Governo nos municípios de Cruzeiro do Sul, Plácido de Castro, Rio Branco e Xapuri.
As oportunidades ofertadas são para alunos matriculados a partir do 2° período, nos cursos de Administração, Pedagogia, Artes Cênicas, Jornalismo, Economia, Gestão Pública, História, Sistema de Informação e Informática.
O estagiário receberá, a título de bolsa de estágio que varia de R$ 420,00 a R$ 630,00, em regime de trabalho de 20 ou 30 horas semanais, mais auxílio-transporte, no valor correspondente a duas passagens de ônibus por dia.
As inscrições podem ser realizadas gratuitamente, por meio do site do CIEE (http://www.ciee.org.br). Para confirmar a inscrição o candidato deverá entrega os documentos até o prazo final de inscrição, na sede do Centro de Integração Empresa Escola – CIEE, situada na Av. Getúlio Vargas, 3.640 “A” – Procon – Rio Branco – CEP 69918-642.
O processo de seleção será realizado por meio de avaliação curricular e entrevista para os selecionados na 1° etapa. Sua validade será de um ano, podendo ser prorrogado uma única vez por igual período.
Fonte: Diário Oficial do Estado do Acre, edição 19 de maio de 2017, página 20 (http://www.diario.ac.gov.br/).
Fonte do edital de prorrogação: Diário Oficial do Estado do Acre, edição 1° de junho de 2017, página 45 (http://www.diario.ac.gov.br/).

21 de dez de 2016

Concurso da CREF 15ª Região oferece novas vagas em 2017


O Conselho Regional de Educação Física da 15ª Região (CREF 15), que abrange os estados do Piauí e Maranhão, divulgou por meio do Diário Oficial da União (edição de 15 de dezembro de 2016, página 162), o extrato do edital n° 1/2016 de concurso público objetiva preencher vagas existentes no quadro de pessoal.

O evento é organizado pelo Instituto Machado de Assis e as inscrições estarão abertas entre 20 de dezembro de 2016 a 20 de janeiro de 2017, e deverão ser preenchidas através do site www.institutomachadodeassis.com.br.

Os inscritos passarão por prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, entrevista técnica e checagem de pré-requisitos e de documentos. A prova objetiva deve ser aplicada em 05 de fevereiro de 2017. O edital completo breve estará disponível no site da organizadora.

Fonte: http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp-jornal=3&pagina=162&data=15/12/2016

Segundo especialista, o concurseiro que inicia os estudos antes do edital tem 50% mais chance de ser aprovado. O segredo é estudar com apostilas, provas anteriores e exercícios.